05 outubro, 2011

Debaixo das asas.







E debaixo
das suas asas
estaremos seguros!

Debaixo das asas.
Uma redação da faculdade.
Tirei dez!

              Estranho, mas não encontrava o início, e por diversas vezes, rabisquei, rasurei, apaguei, destruí e comecei tudo novamente. Então por não encontrar o princípio, depois de abundantemente, refletir, discorrer, ponderar, calcular e imaginar. Decidi que não faria mais rodeio algum e começaria assim mesmo.

              Que o Senhor é aquele que protege, guarda e nos livra de todos os males; disso eu não tenho dúvidas, não senhor! Disso não duvido, não.
               Sei muito bem que o Senhor ama e protege aqueles que o amam.
Sei também que o Senhor tem os seus amados... Ele tem os seus queridos... E os ama muito.
Se tu tens um problema e não podes resolver, não duvides do poder divino. Por que sei também que o Senhor é aquele que manda, envia e ordena anjos precursores na tua frente, onde o burocrático será desburocrátizado. Rs. E estes mesmos anjos precursores receberam ordens explicitas e sucintas para que resolva o teu problema e o teu caminho seja livre e descarregado de todo mau.
O Senhor tem os seus caminhos... Ele é o próprio caminho! Do Senhor vem à providência. Ele é a providência! O Senhor é aquele que te guarda. Ele nos guardas...
              Ele é aquele que se necessário for; Não poupará esforço algum, para que uma escolta angelical seja enviada a ti. E anjos batedores apareceram em seus caminhos; para que os seus passos sejam protegidos, livres; sarado e desviado de todo mau.
               Ele te guarda debaixo das suas asas. Ele nos guarda, debaixo das suas asas! E debaixo das suas asas estaremos seguros!
               De quantos males, Ele já nos tem livrado... Heim! São tantos que nós nem sabemos, não é mesmo...

E debaixo das suas asas estaremos seguros!
E se estivermos com Ele, Ele com toda certeza nos protegerá e debaixo das suas asas estaremos seguros.








                                                                                       
                                                                                            Ao lado do "Pai"